By Redatora Ellune

Coaching: principais dúvidas sobre o processo

Há muitas dúvidas em torno do processo de coaching, que faz cada vez mais sucesso entre pessoas e empresas ao redor do mundo. Mais de 40% dos executivos americanos já passaram por um processo de coaching,  88% no Reino Unido e 70% na Austrália. Mas afinal, o que é coaching? Tire essas e outras dúvidas sobre o assunto:

  1. O que é coaching?

Coaching é uma atividade de desenvolvimento pessoal, na qual o “facilitador” (coach) ajuda uma pessoa (coachee) a evoluir em algum aspecto da vida ou carreira, de forma encorajadora e positiva. O conceito surgiu em 1830, na Universidade de Oxford, quando um tutor particular ajudava alunos a se prepararem para uma determinada matéria.

  1. Por que o processo de coaching é efetivo?

Há muitos motivos, dentre eles estão: troca de experiência com foco no cliente; criação de um ambiente de desafio intelectual; suporte emocional; criação de um ambiente seguro e de total confiança; ritmo de execução e feedbacks mais objetivos.

Além disso, o coaching proporciona liberdade, livrando o coachee das amarras de crenças que limitam a capacidade de reflexão. Isso ajuda a tomar decisões, abrir a mente, e caminhar rumo aos objetivos de uma forma mais livre.

  1. Quem contrata um coach?

Proprietários, consultores, CEOS, gerentes, profissionais liberais, profissionais do ramo criativo, atletas, estudantes, concurseiros e qualquer pessoa que precisa de ajuda para alcançar um objetivo específico.

  1. Quais são os objetivos do coaching?

O foco é sempre o coachee, no crescimento dele, por ele e para ele. Com isso o coaching tem por objetivo proporcionar autoconhecimento; promover equilíbrio entre vários aspectos da vida; ajudar na libertação de crenças limitantes; ajudar a realizar sonhos e encontrar propósitos na vida; ampliar a capacidade de pensar, se comunicar e agir; possibilitar maior produtividade e lucratividade; e ajudar a desenvolver relacionamentos saudáveis e positivos.

  1. Quais são os benefícios do coaching?

O processo permite que o coachee conheça melhor a si mesmo, descubra quais são os valores e princípios que possui e desperte para encontrar o próprio caminho até o objetivo final. Isso é possível ao encontrar objetivos mais recompensadores; acelerar o desenvolvimento pessoal e profissional, tornar o raciocínio mais rápido e claro; criar uma vida com mais sentido; e facilitar o aprendizado e assimilação do que é novo.

E então, ficou mais claro o que é esse processo e como ele pode te ajudar em todos os âmbitos da vida?

By Redatora Ellune

Feedback – como ele pode transformar sua vida e a de seus colaboradores

Feedback é um termo em inglês que vem da junção de feed (alimentar) e back (de volta), ou seja, realimentar. Como assim? Claro que não estamos sendo literais, alimentar está no sentido de estimular e incentivar o colaborador através de um retorno à determinada situação. 

Dar um bom feedback não significa, necessariamente, que seja positivo, mas sim que seja bem feito para que o colaborador não se sinta acuado, desestimulado ou desanimado. Pelo contrário, mesmo que haja alguma crítica, é preciso que seja um retorno construtivo para que o feedback seja efetivo e o colaborador melhore sempre. Afinal, é esse o objetivo, não é?  

# Como fazer um bom feedback? 

É preciso prestar muita atenção no trabalho avaliado e se deter nos fatos e dados; motivar sempre, mesmo que seja um feedback negativo; se colocar no lugar do colaborar e usar bem as palavraselogiar em público para ele se sentir estimulado e criticar em particular para ele não se sentir humilhado; dê o feedback assim que a situação acontecer para não perder o timing; perceba as reações do colaborador; explique os motivos com clareza; não julgue ou generalize. 

Eneagrama é uma metodologia ajuda muito no feedback. Quando o gestor e o colaborador conhecem o tipo um do outro, ou seja, comportamentos crenças, a escolha das palavras é mais fácil, assim como o entendimento das reações do outro, acaba se tornando mais instintivo e previsível. 

Outra maneira de ajudar é através de coaching empresarial, que direciona e auxilia os gestores através de técnicas de melhoria no ambiente de trabalho, como lidar com a equipe e, automaticamente, atingir as metas desejadas. 

Agora que você já aprendeu a fazer um bom feedback, precisa entender como ele pode mudar sua vida e de seus colaboradores: 

1. Ajuda a entender que errar é humano

Até os melhores gênios cometem erros, e é na dificuldade que se encontra a oportunidade. O erro proporciona aprendizado, faz com que a pessoa obtenha mais responsabilidade a atenção.  

2. Aumenta os resultados 

Receber, absorver e aprender com o feedback contribui para o aumento de resultados, afinal ele dá a direção para compreender quais os pontos que precisam ser trabalhados e mantidos. 

3. Ajuda a ver melhor

Nem sempre é possível ver os próprios erros, muito menos assumi-los, por isso é bom alguém ajudar a vê-los melhor.  

4. Ajuda a crescer na carreira 

Ao enxergar os erros e entender como melhorá-los através dos direcionamentos do bom feedback, é possível atingir mais resultados positivos e, consequentemente, crescer na carreira. 


5. Transforma vidas 

feedback ajuda as pessoas a melhorar algo nelas, que muitas vezes nem elas sabiam que precisavam, ou como. Ao proporcionar essa reflexão e mudança de comportamento, ele acaba sendo transformador. 

Percebe como o feedback é fundamental para a vida pessoal e profissional de todos que fazem parte da empresa? Por isso é uma técnica que deve ser levada a sério e feita com cuidado, para que traga apenas benefícios aos envolvidos.  

E você? Como está fazendo seu feedback hoje? 

Coaching: principais dúvidas sobre o processo
Feedback – como ele pode transformar sua vida e a de seus colaboradores